Como cozer
bacalhau

Cozer bacalhau em água a ferver durante 10 minutos retira suculência e sabor a este peixe tão especial. Saiba como deixá-lo no ponto perfeito. 

O fiel amigo das “1001” receitas é muito versátil e uma presença assídua na mesa dos portugueses.

Bacalhau cozido é a forma mais simples de todas, mas há uma técnica que o deixa cozido no ponto perfeito, mantendo mais sabor e a suculência entre cada lasca.

Quer saber como?

Digo-lhe já que o deve ter demolhado e descongelado (no caso de o ter comprado congelado).

Se estiver muito bem demolhado pode optar por juntar uma pitadinha de sal à agua da cozedura, mas muito pouco… só para equilibrar.

Quanto ao resto, explico tudo neste video. Ora veja…

46 comentários para “Como cozer <br> bacalhau”

  1. Obrigada pela dica! Experimentei e o bacalhau fica excelente! Será que funciona para outros peixes? Quando cozinho salmão ou pescada congelados ficam secos e parecem borracha. Obrigada!

    1. Leonete, sim funciona. A pescada, a maruca, e outros, ficam perfeitos. Postas à temperatura ambiente lembre-se. Tal e qual o bacalhau. 😉

      1. Valdeisa eu refiro no post que tem de deixar descongelar primeiro. Retire no dia anterior. Congelado não funciona, vai ter de ferver a água e assim não fica com a qualidade que pode conseguir se estiver descongelado.

  2. Experimentei hoje, embora céptico, a cozedura do bacalhau da Islândia, do modo que indica. Céptico porque a posta era bastante alta e também pelo método em si próprio.
    O resultado não podia ser melhor! Bem cozido, saboroso e belas lascas soltas…
    Dica: Por norma, o bacalhau da Islândia é mais suculento e saboroso, pois as águas onde é pescado são muito frias.
    Parabéns por este seu trabalho,

  3. Ainda o bacalhau para a noite de Natal. Desculpe a “ansia” e as dúvidas de um mau “cozinheiro”…mas…são três postas muito altas. Será que, após a água a ferver, desligar o lume logo que elas se “banhem” na mesma, estas ficarão no ponto após os tais 8/ 10 minutos, mesmo com panos por cima da panela!?
    Cumprimentos,
    Jorge de Carvalho

    1. Sim Jorge, desde que deixe a água ferver e que os fique a cobrir, ficam sim. São 20 minutos. Como fez? (eu estive estes dias muito ocupada sem conseguir responder, desculpe).

      1. …estive um bocado “atrapalhado”, mas, depois de uma reunião com dois amigos a debater a lógica da boa cozedura, optei por: 1º-ferver a água; 2º-colocar as postas no mínimo do lume durante 10 minutos, após o que desliguei o gás e esperei mais dez minutos. Foi servido e…não escolheram outro prato…..
        Cumprimentos,
        Jorge de Carvalho

          1. Olá Maria. Já lascado tem de ser bem demolhado e não precisa de estar tanto tempo na água quente. 5 minutos chegam de certeza, mas verifique.

  4. Eu fiz o bacalhau com natas e tava divinal ,só modifiquei a batata palha por cenoura ralada e curgete para ficar mais saudável. Mas ficou delicioso . Obrigado .

  5. Muito boa esta técnica de cozer bacalhau.
    Mas pergunto-lhe : a pele do “dito” é virada para cima ou para baixo?…

    Cumprimentos,
    Jorge de Carvalho

    1. Olá Jorge, dizem que o correcto é para cima, mas se quer que lhe diga a verdade, para mim não faz qualquer diferença. Aqui ele só fica de molho, não é para ferver.

      1. Olá, Clara de Sousa
        Coube-me este ano a faina do bacalhau (salvo seja, porque a verdadeira faina é a dos corajosos pescadores que enfrenta as águas gélidas e as tortuosas ondas do mar, para a amanha das redes).
        Comecei por comprar um bacalhau por precauçao há coisa de 3 semanas… não fosse a Pandemia pregar mais partida à última hora.
        Parti o bacalhau em casa, demolhe-o e congele-o.
        Senão, que me surgiu uma dúvida de principiante: utilizar o bacalhau descongelado ou bacalhau demolhado (sem ser congelado)?
        Decidi colocar a minha dúvida existencial, a várias pessoas de origens distintas:
        Perguntei à senhora que ajuda cá em casa nas lides domésticas, ao meu sogro e também a um amigo.
        As opiniões foram unânimes: o bacalhau será mais saboroso se for cozido logo após ser demolhado!
        Assim será: bacalhau demolhado e simpaticamente cozido (sem ferver), de acordo com as dicas da Clara de Sousa.
        Para finalizar:
        – A cura amarela do bacalhau será um mito?
        – Bacalhau da Noruega ou da Islândia?
        – O peso do animal fará diferença (faz algum sentido adquirir um exemplar com 5 Kg, ou 2,5 Kg)?
        Na compra que efetuei por fim, acabei por aceitar a ajuda de um senhor senior que se abeirou (também ele pretendia adquirir um exemplar): apresentou-se como alguém que a sua atividade profissional teria sido vendedor de bacalhau; começou por me escolher um exemplar com cerca de 4 Kg. Depois acabaria por me aconselhar um exemplar mais fino e menos corpolento, mas com uma melhor cura, que acabei por comprar.
        Quando procedi ao corte, fiquei com a sensação que o exemplar seria demasiado fino, para as minhas expectativas.
        Coloquei os lombo do bacalhau à demolhar e por cautela, acabei por acrescer uns lombos de um outro exemplar, que entretanto surgiu num belo cabaz que a empresa onde trabalho, ofereceu a todos os seus colaboradores.
        Surpresa minha: neste momento, só consigo distinguir os dois exemplares, pelo tamanho da posta, pois a espessura dos lombos, durante a de molha, passou a ser idêntica.
        Amanhã veremos como corre a coisa.
        Espero estar à altura, de deliciar o meu sogro com o fiel amigo, naturalmente com a inestimável e preciosa ajuda da Clara de Sousa.
        Obrigado pelas dicas.
        Desejo-lhe um Santo Natal.

        1. Olá Rui. Sim é sempre demolhado, quando digo descongelado é porque a maioria das pessoas o compra congelado, e o importante é que ele vá para a água à temperatura ambiente. Ou seja descongelado. Muitas pessoas colocam-no a cozer congelado e isso é que não. Demolhado, será sempre, claro. E se tiver acabado de ser demolhado melhor ainda. Sobre o resto tenho de confessar que nunca pesquisei. Compro o bacalhau para ter postas altas e nunca me preocupei com a origem de um ou outro país, peso ou tipo de cura. Mas agora que o Rui me alertou já fiquei curiosa. Diga-me a que conclusões chegou! 🙂 Continuação de Festas Felizes!

  6. Olá Clara,
    Fiz ontem o seu Bacalhau com natas com as tais dicas das batatas palha e do caldo de carne e todos adoraram! (dos pequeninos aos mais crescidos…)
    Vou agora experimentar/adoptar essa “tecnica” no Bacalhau à Brás, enquanto não nos deixa, tambem, essa receita.
    Adoro as suas receitas. (até já tenho uma “playlist”!)
    Beijinhos.

  7. Boa tarde Clara,
    Cozinhei o bacalhau com a sua técnica de colocá-lo quando a água começa a ferver e desligar o fogão.
    Ficou muito suculento. Adorei.
    Obrigada pelas dicas.

  8. Maria Alice Nunes Pereira da Conceição Caldeira

    Olá, Clara, boa tarde!
    Quero cumprimentá-la e agradecer todas as suas dicas, no que toca ao bacalhau, principalmente o com natas.
    Parabéns por ser a pessoa que é: Boa jornalista, simpática e a dedicação à culinária.
    Beijinho

  9. Olá Clara, fiz bacalhau com natas (à minha maneira) mas cozi o bacalhau segunda a sua dica e adorámos, o bacalhau não se desfez, como era habitual. Para a próxima, faço o seu bacalhau. Obrigada. Um beijinho.

    1. Boa boa! E coza com a técnica nova, já que quando fiz o video ainda o deixava ferver. Neste caso do bacalhau com natas é só deixar o leite levantar fervura, desligar lume e mergulhar o bacalhau deixando-o descansar. Igual como se fosse com água 🙂 Beijinho!

  10. Ótimas dicas, Clara!
    Já pus algumas em prática q resultaram mt bem!
    A técnica de cozedura do bacalhau, aplicada à preparação de esparguete (c/ bstt água) resulta sempre-nunca cola e fica “al dente”!
    Gosto imenso das s/s receitas!!

  11. Obrigada Clara! Sou uma seguidora das suas dicas e receitas, que considero excelentes. Parabéns pelo excelente trabalho que faz sempre com muito gosto e dedicação.
    Beijinhos e continuação de muito sucesso!

  12. Adorei a dica do bacalhau…será que podemos colocar mais do que 1 posta na panela?, uma posta aqui em casa é muito pouco…..
    Grata pelas partilhas maravilhosa

    1. Claro Leonor. Use mais água, bacalhau à temperatura ambiente de preferência, e uns panos para cobrir e abafar a panela para que a água não arrefeça tão depressa.

  13. Bom dia D. Clara.
    Obrigado por mais uma excelente dica, sem duvida que é a forma mais correta de cozer bacalhau, pois é assim que eu faço. Se me permite, desafio-a a experimentar a colocar dois dentes de alho, uma folha de louro e um pouco de azeite e vai ver que ainda fica mais rico.
    Obrigado pelas suas dicas, são muito praticas e valiosas.
    Nelson Macedo

    1. Pois é já me disseram para aromatizar. Acredito que sim. Eu aqui preocupei-me com a textura sobretudo, mantendo o sabor neutro. Mas acho que vou acrescentar isso ao texto como adenda 🙂 obrigada!

    1. Convém retirar Artur porque o disco continua muito quente e vai ferver mais um pouco. O bacalhau não pode ferver. Depois de estar dentro de água, vai só descansar.

  14. Bom dia Clara.
    Estive a ver o seu vídeo sobre como cozer bacalhau.
    Eu uso uma técnica inversa, ou seja, coloco o bacalhau em água fria e, quando ela começa a borbulhar, desligo o fogão e aguardo 15 minutos com o tacho tapado.
    Vou experimentar a sua técnica para comparar o resultado final.
    Permita-me enviar-lhe um beijo de agradecimento pelas dicas que tem publicado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.