Uma longa metade de salmão coberta com uma manteiga incrível que complementa o sabor do peixe, é um prato perfeito para toda a família.

O salmão é um dos peixes favoritos cá de casa.
Seja no sushi, no Gravlax para saladas ou entradas, em hambúrgueres, em posta, é sempre um sucesso combinado com os mais variados acompanhamentos.

Tinha comprado um salmão inteiro uns tempos antes e depois de o abrir e retirar todas as espinhas – mantendo a pele – ainda lhe retirei uma parte para fazer Gravlax e congelei o resto. Um pedaço com um quilo que ficou a aguardar uma qualquer ideia que me surgisse.

Num dos almoços de sábado em família, surgiu-me a ideia de o usar inteiro, como já vi em várias receitas, e cobri-lo com uma manteiga de endro, que é a erva que melhor casa com o salmão.

Pensava eu que tinha endro, mas rapidamente me lembrei de que tinha gastado tudo no Gravlax.

Ora bolas…

O salmão já estava meio descongelado e não havia forma de voltar atrás e queria, à viva força, usá-lo assim, inteiro, para preservar toda a suculência e poder servi-lo em grandes lascas.

No jardim tinha algumas aromáticas e a minha opção de substituição foram o tomilho-limão e o alecrim a que juntei um pouco de orégãos secos.

Ohhhhh meu Deus… que delícia que ficou!

Esta manteiga funcionou na perfeição com o sabor das ervas e um ligeiro toque adocicado do açúcar amarelo, que é maravilhoso em contraste com o salmão.

Para acompanhar servi com batatas e brócolos – cozi-os antes para já estarem macios na hora de irem para o forno, já que o salmão cozinha em menos de 20 minutos.

Podem optar por outros vegetais, os que quiserem, desde que sejam pré-cozinhados.

Se gostam muito de salmão não deixem também de fazer o Salmão Valentim com Mostarda e Mel, a receita que fiz este ano para assinalar o Dia dos Namorados.

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 45 minutos
dificuldade: fácil
doses: 6
Uma longa metade de salmão coberta com uma manteiga incrível que complementa o sabor do peixe, é um prato perfeito para toda a família.

Salmão com Manteiga
de Alho e Ervas

Destaque
Uma longa metade de salmão coberta com uma manteiga incrível que complementa o sabor do peixe, é um prato perfeito para toda a família.
tempo de preparação: 45 minutos
dificuldade: fácil
doses: 6

Ingredientes:

  • 1 kg de salmão (uma metade, depois de o salmão aberto ao meio)
  • 750 g de batatas, cozinhadas al dente, sem pele
  • 400 g de brócolos, cozinhados al dente (de preferência ao vapor)
  • 2 colheres de chá de tomilho, alecrim e orégãos (secos ou frescos)
  • 4 dentes de alho, picados finamente
  • Sal q.b.
  • Azeite q.b.
Manteiga de alho e ervas:
  • 100 g de manteiga, amolecida
  • 1 colher de sopa de açúcar amarelo (ou outro)
  • 1 colher de sopa de sumo de limão
  • 4 dentes de alho, picados finamente
  • 2 colheres de chá de tomilho, alecrim e orégãos (secos ou frescos)
  • Sal e pimenta preta q.b.

UTENSÍLIOS:

  • um tabuleiro de forno grande

Confecção:

  1. Coza os brócolos (de preferência a vapor) e as batatas com pele. Retire a pele depois de cozidas e corte em pedaços médios.
  2. Retire as espinhas ao salmão com uma pinça – as espinhas estão ao longo do veio central – são fáceis de detectar passando o dedo.
  3. Coloque o salmão, com a pele para baixo, no centro de um tabuleiro com um pouco de azeite no fundo.
  4. Em redor do salmão distribua as batatas e os brócolos, ambos já cozinhados. Tempere-os com azeite, os alhos picadinhos, sal e as ervas picadas.
  5. Faça a manteiga misturando todos os ingredientes e cubra o salmão.
  6. Leve a forno pré-aquecido a 200º C durante 18 a 20 minutos e sirva de imediato.

Notas:

Outras informações:

7 comentários para “Salmão com Manteiga <br> de Alho e Ervas”

  1. Adoro a simplicidade das suas receitas e sobretudo tem também receitas econômicas pois a maioria dos portugueses têm que olhar para o preço dos alimentos antes de os comprar Obrigada pela partilha

      1. Olá Clara!
        Mais uma excelente sugestão!
        Há anos que estou para fazer o Gravlax (desde que a vi fazer num programa de tv), comprei o seu primeiro livro para ter a receita ali direitinha, mas não é que ainda não fiz? Diga-me, se puder claro, onde comprar o salmão fresco para o Gravlax (e sushi) – refiro-me a salmão de qualidade que possa ser consumido cru – e o endro, penso que só encontrei uma vez no El Corte Inglés, é fácil de encontrar noutras superfícies? Obrigada

        1. Eu faço várias vezes e tanto compro na Makro (temos de comprar um inteiro) ou num supermercado tipo o Supercor ou mesmo outro, onde opto por um pedaço grande da barriga. Pergunto sempre quando chegou ou analiso o peixe para confirmar se é mesmo fresco. O endro fresco compro sempre na Makro. No Supercor até hoje só encontrei seco, mas não vou lá muito por isso é natural que tenha pontualmente. Mesmo na Makro há alturas do ano em que não há. De qualquer forma, em desespero já fiz sem qualquer erva, usei apenas o sal, açúcar e pimenta. Depois sirvo com um bom molho de endro, usando o tal seco do Supercor. Em alternativa compra-se o molho no IKEA. Experimente Sofia. Faça um pedaço com cerca de meio quilo, nunca menos, e da parte mais alta da barriga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.