Esta receita é para todos aqueles que, não sendo mega fãs de pickles, gostam de alimentos com um toque avinagrado.

Estes pepinos em conserva não ficam tão ácidos como os pickles que compramos habitualmente nos supermercados, nem tão rijos.

Mantêm uma textura ainda macia e têm um sabor mais suave, já que incorporam tanto a acidez como o doce da calda em que ficam mergulhados.

O processo é super simples.

Com uma mandolina cortamos o pepino, o aipo e a cebola em fatias muito finas.

No caso de não terem uma mandolina podem usar uma faca bem afiada.

Depois preparamos uma calda que vai cobrir os legumes…

… e que é vertida sobre eles ainda bem quente, em frascos esterilizados, até cobrir.

E pronto é só isto.

Ficam os legumes mergulhados nesta calda durante uma semana e a partir daí já os podemos consumir.

Passada uma semana, e depois de abertos, devem ser consumidos no prazo de um mês.

Agora que os dias mais quentes estão a chegar, estes pickles caseiros são óptimos para juntar a saladas verdes e frescas, criando um belíssimo contraste no paladar, ou para acompanhar carne grelhada, tão comum nos churrascos de Verão.

Não é uma daquelas receitas de encher o olho, mas é muito fresca e saborosa e ideal para quem gosta de pickles, mas não da intensidade do vinagre dos pickles de compra.