Uma perna de peru bem temperada, de carne macia e suculenta. Um clássico para o almoço de Natal.

Este é o prato que mais gosto de fazer no almoço do dia de Natal.

Depois do trabalho intenso para a noite de Consoada, perdemos mais uns minutos a temperar este peru e fica tudo adiantado. Assim, no dia seguinte, é só tratar das batatas e meter no forno.

Este peru fica saborosíssimo.

A receita foi-me dada pela querida Odete. Trabalhou na minha casa durante quase 10 anos até adoecer. Não resistiu à doença, mas continua presente nos nossos corações, com a alegria de sempre, como neste dia de Abril de 2004, quando celebrávamos mais um aniversário do meu filho Manuel.

A Odete tratava dos meus filhos como se fossem seus netos e de mim como uma filha. Era uma mulher do Norte, da região de Santa Marta de Penaguião. Teve uma vida muito dura como a minha mãe e como tantas outras da sua geração. Veio para Lisboa, para trabalhar desde muito cedo e sempre trabalhou até não poder mais.

Certo dia sugeriu-me esta receita, dizendo que, com este tempero, a carne de peru nem iria parecer carne de peru.

“Ah sim? Mas o que tem de tão especial?” perguntei eu.

E ela logo respondeu: “São os orégãos, dão um sabor à carne que nem acredita!”

E para puxar a brasa às suas origens ainda acrescentou: “E bem regado com um bom vinho de Santa Marta ainda melhor”.

Não o fiz com o vinho que ela tão orgulhosamente defendia, mas um bom vinho é sempre fundamental em qualquer prato. Eu sigo sempre a velha máxima:

“Um vinho que não é bom para beber, não é bom para cozinhar!”

Os ingredientes são básicos nas nossas cozinhas – alho, colorau, orégãos, louro, azeite, vinho branco. Tudo bem barrado numa marinada que fica a envolver a carne de um dia para o outro.

E no final, mesmo antes de seguir para o forno, uns belos pedaços de banha vão dar-lhe um toque muito especial.

“Oh filha que carne é esta? Vitela?”

“Não pai… (entre risos) é peru!”

Quem diria?!

A carne fica com uma textura muito macia e suculenta e até os que torcem o nariz a peru ficam rendidos.

Se gostam de peru não deixem também de espreitar o Rolo de Peru Recheado que fica delicioso ou vejam as outras sugestões de carne, peixe e doces que tenho na secção RECEITAS DE NATAL.

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 10 minutos
a marinar: 12 a 24 horas
tempo de forno: 1 hora
dificuldade: fácil
doses: 4
Uma perna de peru bem temperada, de carne macia e suculenta. Um clássico para o almoço de Natal.

Perna de Peru
no forno

principal-cópia
Uma perna de peru bem temperada, de carne macia e suculenta. Um clássico para o almoço de Natal.
tempo de preparação: 10 minutos
a marinar: 12 a 24 horas
tempo de forno: 1 hora
dificuldade: fácil
doses: 4

Ingredientes:

  • 1 perna de peru (de tamanho médio)
  • 500 g (ou mais)  de batatas cortadas em cubos médios ou batatinha de assar inteira com pele
  • ½ cabeça de alhos descascados
  • 2 colheres de chá bem cheias de colorau
  • 2 colheres de chá bem cheias de sal
  • 100 ml de azeite
  • 1 colher de sopa bem cheia de orégãos secos
  • 2 folhas de louro
  • 300 ml de vinho branco
  • Banha q.b.

UTENSÍLIOS:

  • varinha mágica/liquidificador

Confecção:

  1. De véspera: No copo da varinha mágica triture os alhos, o colorau, o sal, o azeite e os orégãos.
  2. Dê um ou dois golpes na perna do peru, coloque-a num recipiente e barre-a com esta pasta. Distribua as folhas de louro partidas e regue com o vinho. Tape com película aderente e leve ao frigorífico de um dia para o outro.
  3. Na hora de assar: Pré-aqueça o forno a 180º C. Coloque a perna de peru numa assadeira de forno. Coloque as batatas em redor, regue tudo com o molho da marinada e distribua pequenos pedaços de banha sobre o peru e as batatas.
  4. Leve ao forno durante cerca de uma hora, ou um pouco mais, regando de vez em quando com o próprio molho e revirando as batatas.

Notas:

  • intolerantes a glúten devem usar um colorau certificado
  • Desde que haja espaço na assadeira pode colocar mais batatas

Outras informações:

58 comentários para “Perna de Peru <br> no forno”

  1. Boa Tarde Clarinha, vou fazer hoje para o Jantar a receita da Saudosa Odete, depois digo se todos gostaram. Nunca tinha ido ao seu Blog mas nos meus Anos a minha Nora ofereceu-me o seu livro e tem receitas maravilhosas para experimentar

  2. Bem, não vou acrescentar nada de novo, mas não queria deixar de partilhar o sucesso desta receita no último Natal lá em casa 🙂 Que carne é esta?? O pai que não aprecia Peru repetiu e o sogro,homem transmontano, de coisas simples e boas, fez um elogio daqueles sentidos !! É mesmo uma maravilha. Para a próxima vou experimentar com o peito. A perna aborrece-me um pouco trinchar por causa dos ossos e ossinhos… também deve ficar divinal , não ? Obrigado pela partilha !!!

    1. É o que eu digo Monica. Aquele tempero dá outro sabor à carne. Melhora. Eu diria que com peito tem de estar bem atenta para não secar. A carne da perna é mais macia, mais gelatinosa e melhor. Mas se testar não se esqueça que a temperatura interna da carne não deve passar dos 75°C. Obrigada! 🙂

  3. Cheila Gonçalves

    Parabéns querida Clara . Entre muitas receitas que encontrei escolhi a sua. Sou uma recente cozinheira e com esta receita até me senti uma mestre da cozinha. Todos cá em casa aprovaram especialmente os meus filhos 2 e 9 anos. Fiz durante a semana e no corre corre do dia a dia veio a calhar tb pela sua praticidade . Muito obrigada .

  4. Olá Clara estamos a jantar a “sua” perna de perú! Que delícia, hoje era muito importante aconchegar a alma de um amigo com um desgosto grande! Enchemos-lhe a barriguita e e aquecemos-lhe o coração com a nossa companhia!
    Muito obrigada

    Ana Ornelas

  5. Ana Araújo Malhão

    Olá Clara de Sousa gostaria imenso de fazer esta receita para este natal pois parece-me deliciosa, mas tenho uma questão o meu marido não é muito apreciador de orégãos e então gostaria de saber se posso substituir por outro ingrediente e qual??? E se não será que sabe muito a orégãos a carne depois de cozinhada??? Obrigada Clara de Sousa e já agora um feliz natal e um excelente ano de 2020!

  6. Rogério Alegre Ferreira

    Muito muito bom!!! Traz um novo gosto ao Perú. Como será fazer um peru inteiro com esta receita?
    Parece-me que tb deve ficar muito bom.
    Obrigado pela partilha e só me resta pedir-lhe para continuar.

    RAF

    1. Obrigada Rogério. Com este tempero fica sempre bom. É uma questão de o barrar todo e deixar a marinar. Depois o tempo para assar é outro. Sem recheio é cerca de 40 minutos por quilo.

      1. Maria Rosario Ribeiro Oliveira

        Olá Clara. Que bom aspecto. Da próxima vez que fizer perna de peru no forno vou adoptar a sua receita. Parece deliciosa. Tem alguma receita de bifes de peru? Obrigada. Um excelente Ano de 2020. Beijinhos. Rosário

  7. Boa tarde Clara
    Estava mesmo a procura de uma receita simples e saborosa, já arranjei a perna, quando chegar a casa vou temperar, deixar a marinar e amanhã o jantar vai ser especial!
    Ah! Parabéns , fiquei até emocionada pelo carinho que falas da sua ex empregada, pois senti que, ao fazeres esta receita, é uma forma de a homenagear e tê-la sempre presente! Beijinhos e bom restinho de semana.

  8. Isabel Teixeira

    Olá Clara. Estou a pensar fazer esta receita para um almoço com cerca de 12 pessoas, já comprei 3 pernas de peru medias. Agora a minha dúvida é ajustar os temperos. Que proporções me aconselha? Obrigada.

      1. Olá Clara . Ja fiz essa receita muitas vezes e as pessoas adorarem só que em vez de eu colocar batatas pós mandioca no fim só para dourar e servi com uma salada sempre assim que eu faço .

  9. A melhor receita de peru que já fiz. Cá em casa não gostam do sabor a ave e houve quem não acreditasse que era perú. Muito bom, mesmo!

  10. Maria do Nascimento Gomes Pinto

    Obrigada pelas suas receitas. Já fiz várias receitas e todos gostamos, além de fáceis de fazer são saborosas. Ontem para o almoço fiz a “perna de Perú no forno e o bolo de iogurte e morangos”, todos adorámos. Até me perguntaram se estavam a comer borrego. Fiz uma pequena alteração à Sua receita, na noite anterior mergulhei a perna de Perú em agua e rodelas de limão (tira o sabor forte e o cheiro do Perú), na manhã do dia seguinte temperei-o de acordo com a receita e à noite foi ao forno para o nosso jantar.

    1. Olá Maria essa técnica é comum e pode fazê-la por segurança mas os orégãos cortam esse sabor. A mim perguntam se é vitela 😀 😀 é de facto uma receita muito boa. Que bom que gostaram!

  11. Andreia Soares Fidalgo

    Clara fiz hoje esta receita e é das melhores que já fiz com perú. Adorei! Continue a partilhar as receitas porque, seguramente, vou experimentar várias. Beijinhos e muito sucesso para si!
    P.S. Adorei a Madonna de Carnaxide.

  12. Bom dia

    Clara já fiz o Peru e ficou muito bom espectacular obrigado que Deus a ajude porque é uma das pessoas , que, não se importa de dar os seus segredos e com diz o ditado “O segredo é a alma do Negócio” a Clara não se importa de as repartir por isso eu louvo a pessoa Humana que é muita Saúde Paz e que Deus lhe acrescente em dobro.
    Bjinho e Um bom ano 2019
    Augusta
    Viseu

  13. Maria João Silva

    Fiz uma vez e adorei. Este fim de semana vou voltar a fazer para um almoço de família. Estou a pensar fazer um puré de maçã e arroz árabe para acompanhar. Acho q liga bem. Adoro as suas receitas

    1. Puré de maçã funciona bem com carne branca. Se bem que aquelas batatas são maravilhosas Maria João, mas nada como experimentar e variar.

  14. Olá Clara!
    Para uma pá de porco/pernil também aconselha esta receita? Estou tentada a reproduzi-la com porco pois às vezes
    também tem um sabor bastante acentuado.
    Parabéns por este projeto que não conhecia e gostei tanto que já subscrevi o canal.
    Obrigada
    Fátima

    1. Nunca usei alecrim nesta receita e não sei se funciona da mesma forma mas o sabor dos orégãos não é acentuado. Serve sim para cortar o sabor da carne de peru. Eu prefiro alecrim com peixe. Não sei se com carne funciona tão bem Antonio. De qualquer forma se experimentar diga-me. Feliz Natal!

  15. Maria Augusta Pereira

    Olá Clara!
    Tenho visto suas receitas, mas ainda não experimentei nenhuma, nas esta da perna de peru vou fazer concerteza. Costumo fazer mas de forma diferente ou seja sem os oréganos.
    Muito grata pelaa partilha.
    Desejo boas Festas.

      1. Olá Clara gostava de fazer a perna assada mas, não queria usar banha. Posso substituir por que outro ingrediente? Vou assar no forno a lenha

  16. Esta receita já a fiz.
    É surpreendente e é como diz, até quem não gosta de perú se rende.
    ….
    Ah, como fizeste isto? – uns 30s depois- podes voltar a fazer, é delicioso. Nunca pensei dizer isto de perú.
    …..
    Já o fiz 3 vezes e sem duvida que o prefiro nesta altura. Parece ser a melhor época para o confeccionar.

  17. Tal como estas maravilhosas receitas, que fazem parte das nossas vivências, o texto que as precede, transporta- nos sem dúvida, para recordações temperadas de carinho e boas memórias que guardamos dentro de nós.
    A visita diária ao site da Clara, é obrigatória e…traduz FELICIDADE!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.