Quem não gosta de peixinhos da horta acabados de fritar? Ficam prontos em 30 minutos e são um excelente petisco.

Este é um clássico que nunca falha aqui em casa na altura em que tenho feijão-verde em abundância trazido da horta do meu pai.

Quando o meu pai apanha o feijão-verde ainda pequeno, nem preciso de retirar fios. No caso de o feijão-verde estar crescido, aí sim, sigo os procedimentos habituais.

Por regra gosto de fazer peixinhos da horta mais pequenos. Cada vagem é cortada ao meio no sentido do comprimento e também ao meio no sentido da largura, ficando com 4 pedaços. Acho que desta forma é mais fácil de fritar e de comer também. Além de que, na minha opinião, fica mais bonito na travessa.

Para os peixinhos da horta, o feijão-verde tem de ser cozido durante alguns minutos em água com sal, até ao ponto em que fica rijinho, al dente.

Enquanto isso fazemos o polme – é muito rápido – e depois fritamos os pedaços de feijão-verde cozido até dourar. É fundamental deixá-lo depois a escorrer sobre papel de cozinha para ficar mais sequinho.

À medida que arrefecem, os peixinhos da horta tendem a ficar mais macios, por isso o melhor é servi-los bem quentes, assim que acabam de fritar e de escorrer.

Seja como prato principal acompanhado com arroz, seja como entrada servida com limão e maionese, este é um daqueles petiscos que nunca passam de moda.

Falando de petiscos, já viram o que tenho nas ENTRADAS & SNACKS?

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 30 minutos
dificuldade: fácil
doses: 6
Quem não gosta de peixinhos da horta acabados de fritar? Ficam prontos em 30 minutos e são um excelente petisco.

Peixinhos
da Horta

Peixinhos destaque
Quem não gosta de peixinhos da horta acabados de fritar? Ficam prontos em 30 minutos e são um excelente petisco.
tempo de preparação: 30 minutos
dificuldade: fácil
doses: 6

Ingredientes:

  • 500 g de feijão-verde
  • 100 g de farinha
  • 1 ovo
  • 125 ml de água
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 esguicho de vinagre de vinho branco ou sidra
  • sal e pimenta q.b.
  • óleo ou azeite para fritar

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Coloque uma panela com água e sal ao lume.
  2. Lave o feijão verde, retire o fio e corte-o ao meio no sentido do comprimento e ao meio no sentido da largura, para ter pedaços mais pequenos.
  3. Mergulhe o feijão-verde na água a ferver e cozinhe durante 7 minutos, só até ficar al dente. Passado esse tempo escorra imediatamente e mergulhe o escorredor onde estão as vagens em água com gelo para arrefecer rapidamente.
  4. Enquanto o feijão-verde coze faça o polme misturando a farinha, o ovo, o bicarbonato e sal e pimenta a gosto. Junte a água, metade de cada vez e bata para ter um polme sem grumos, denso mais fluído.
  5. Na hora de fritar junte um esguicho de vinagre ao polme e bata para envolver.
  6. Passe as vagens pelo polme e frite em óleo ou azeite bem quente.
  7. Escorra sobre papel de cozinha e sirva com maionese e gomos de limão.

Notas:

  • Para uma versão sem glúten, use farinha sem glúten para fazer o polme
  • se gosta de peixinhos da horta maiores não os corte no sentido da largura

Outras informações:

2 comentários para “Peixinhos <br> da Horta”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.