Um bom molho de tomate caseiro muito fácil, saudável e muito versátil para usar em massas, lasanhas, pizzas ou no que nos apetecer.

Não há nada como um bom molho de tomate caseiro, feito com ingredientes frescos, sem conservantes, sem aditivos que desconhecemos, tudo feito por nós.

Fazer um molho de tomate caseiro é muito fácil!

Idealmente devemos usar tomates frescos e escaldá-los para lhes retirar a pele. Em alternativa podemos usar tomate de lata.

Depois basta um bom refogado e o tomate fica a cozinhar lentamente para desenvolver o sabor.

Por regra junto um pouco de açúcar para cortar na acidez, mas é um passo opcional.

Quanto à textura temos duas opções: uma em que o molho fica com pedacinhos ou uma mais macia com tudo triturado.

Fica nas vossas mãos decidir qual a que preferem.

Este molho fica perfeito para acompanhar um dos pratos vegetarianos preferidos cá de casa, as Almôndegas de Brócolos.

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

dificuldade: fácil
Um bom molho de tomate caseiro muito fácil, saudável e muito versátil para usar em massas, lasanhas, pizzas ou no que nos apetecer.

Molho de Tomate
Caseiro

destaque
Um bom molho de tomate caseiro muito fácil, saudável e muito versátil para usar em massas, lasanhas, pizzas ou no que nos apetecer.
dificuldade: fácil

Ingredientes:

  • 4 tomates maduros pelados e picados ou 1 lata pequena de tomate em pedaços
  • 1 cebola média
  • 3 dentes de alho
  • 2 colheres de chá de açúcar
  • Azeite, sal, pimenta e orégãos q.b.

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Pique finamente a cebola e o alho e refogue-os ligeiramente no azeite.
  2. Junte o tomate, o açúcar, o sal e a pimenta. Mexa. Quando levantar fervura, reduza o lume e deixe cozinhar destapado, em lume brando, durante cerca de 20 a 30 minutos, até o molho ficar ligeiramente espesso. Mexa bem, polvilhe com orégãos secos e está pronto a servir.
  3. Se preferir um molho macio, sem pedaços, pode triturar tudo no final com a varinha mágica.

Notas:

  • Deve ser consumido numa semana, num frasco com tampa ou congelado até 3 meses.

Outras informações:

8 comentários para “Molho de Tomate <br> Caseiro”

  1. Sónia Alexandra Santos

    Boa tarde
    Antes de mais obrigada pelas suas dicas, receitas e partilhas.
    Para mim são muito úteis.
    Se me permite uma dúvida:
    Segui a sua receita para molho de tomate. De sabor ficou excelente mas a consistência ficou completamente líquido.
    O que não me permite utilizar comi base de pizza por exemplo.
    Algum a dica que me possa dar?
    Obrigada

    1. Olá Sónia. Se ficou líquido era porque os tomates tinham muito líquido. Quando assim é tem de deixar ferver mais tempo para reduzir ,até ao ponto em que ganha a consistência necessária. Não junte farinhas para engrossar.

          1. Eu raramente congelo, faço e consumo, mas quem tenha muito tomate e queira fazer pode descongelar à medida das necessidades. Ainda se aguenta uns dias sim, mas por regra o melhor é usar rapidamente, como numa bolonhesa, ou outro prato que peça molho de tomate.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.