Uma alternativa ao clássico húmus feito com grão-de-bico em que a fava é a rainha e senhora.

A todos os fãs de húmus. Chegaram ao lugar certo!!

Porquê? Porque também eu sou suuuuuuuper fã de húmus.

Tenho, aliás, dado largas à minha liberdade criativa para transformar em húmus tudo o que mexe. Bom… talvez esteja a exagerar um pouco. Mas no sector “legumes e leguminosas”, o que possa ser triturado é um sério candidato a húmus.

É o caso deste Húmus de Fava, do Húmus de Ervilha e Manjericão, do Húmus de Couve-Flor, isto para não falar no Baba Ghanoush que só não faço mais vezes porque grelhar as beringelas dá um pouco mais de trabalho.

Independentemente de tudo, é sempre lançado um Alerta Húmus na minha cozinha quando entra um legume candidato.

Não passa semana em que não tenha húmus no frigorífico bem ao lado do Tahini que é o ingrediente base de todos os húmus.

Façam esta versão caseira que se conserva durante meses no frio e terão sempre oportunidade para se aventurarem em novos húmus, ou nos de sempre, os que mais gostam.

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 10 MINUTOS
dificuldade: Fácil
Uma alternativa ao clássico húmus feito com grão-de-bico em que a fava é a rainha e senhora.

Húmus de Fava
Caseiro

DESTAQUE-1-683x1024
Uma alternativa ao clássico húmus feito com grão-de-bico em que a fava é a rainha e senhora.
tempo de preparação: 10 MINUTOS
dificuldade: Fácil

Ingredientes:

  • 400 g de favas cozidas ou em lata (de preferência favas baby)
  • 3 colheres de sopa de tahini (pasta de sésamo)
  • sumo de 1 limão (± 100 ml)
  • 2 dentes de alho
  • 50 ml de azeite
  • ½ colher de chá de cominhos moídos
  • 1 colher de chá de sal
  • paprika q.b
  • água q.b., se necessário

UTENSÍLIOS:

  • Processador/triturador de alimentos

Confecção:

  1. Emulsione o tahini e o sumo de limão no processador ou liquidificador, durante 30 segundos.
  2. Junte as favas e triture, raspando as paredes, até que as favas fiquem muito bem trituradas.
  3. Junte o alho e, sempre com a máquina a funcionar, vá juntando o azeite em fio até ter uma textura macia.
  4. Finalmente, tempere com cominhos e sal e triture mais um pouco para envolver.
  5. No caso de a mistura ficar demasiado densa, junte água, duas colheres de sopa de cada vez, até obter a densidade desejável.
  6. Prove o húmus e acerte os temperos se necessário.
  7. Coloque o húmus na taça de servir, polvilhe com paprika e decore com uma folha de salsa. Pode também regar com um pouco de azeite.
  8. Sirva com tostas, palitos de pão, de cenoura, de pepino ou de aipo.

Notas:

  • Acrescente sabor, triturando aromáticas, como manjericão ou coentros com a fava.
  • Tahini é pasta de sésamo. Pode comprar em muitos supermercados ou lojas de produtos biológicos, ou fazer em casa. Veja a minha receita aqui.
  • Se preferir a versão tradicional de húmus com grão, siga a mesma receita, substituindo a fava por grão.

Outras informações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *