Um clássico nas cozinhas portuguesas, estes filetes são bem temperados, passados por farinha e ovo, e fritos para ganharem uma linda capa dourada.

Esta é a minha receita preferida de filetes de pescada.

Era assim que a minha mãe sempre fazia. Quanto mais fresco o peixe melhor, mas os filetes que se vendem congelados são também uma excelente opção.

Aqui o segredo é deixá-los a temperar bem para absorverem o sabor do alho e do limão. Além disso, ao ficarem no leite ficam mais macios.

Muitas pessoas optam por paná-los em pão ralado, certamente por influência de receitas estrangeiras, mas passados por farinha e ovo batido ficam com uma crosta mais macia e é desta forma que me trazem boas recordações.

Para acompanhar não dispenso um bom arroz de tomate com coentros, de preferência feito com tomates frescos. É um arroz que casa na perfeição com estes filetes.

Em alternativa podem também fazer um belo arroz de grelos.

Ficaram com vontade de fazer?

Querem conhecer as minhas duas outras receitas com filetes de peixe?
Aqui estão!

 

 

Veja o vídeo desta receita

Subscreva e comece a receber as newsletters em primeira mão

tempo de preparação: 15 minutos + tempo da marinada
dificuldade: fácil
Um clássico nas cozinhas portuguesas, estes filetes são bem temperados, passados por farinha e ovo, e fritos para ganharem uma linda capa dourada.

Filetes de Pescada
à Portuguesa

filetes de pescada destaque site
Um clássico nas cozinhas portuguesas, estes filetes são bem temperados, passados por farinha e ovo, e fritos para ganharem uma linda capa dourada.
tempo de preparação: 15 minutos + tempo da marinada
dificuldade: fácil

Ingredientes:

  • Filetes de pescada
  • Sumo de limão
  • Alhos esmagados
  • Sal e pimenta
  • Leite
  • Farinha
  • Ovo batido
  • Óleo para fritar

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Se os filetes forem muito grandes corte-os em pedaços com a largura de 4 dedos.
  2. Tempere-os com sumo de limão, alho esmagado, sal e pimenta e cubra com um pouco de leite.
  3. Conserve no frigorífico durante algumas horas para absorverem bem o tempero. A meio do tempo vire-os.
  4. Na hora de fritar, passe os filetes por farinha e por ovo batido e frite em óleo quente, mas não em demasia, de ambos os lados até estarem dourados.
  5. Coloque-os a escorrer sobre papel de cozinha e sirva.

Notas:

Outras informações:

30 comentários para “Filetes de Pescada <br> à Portuguesa”

  1. António Manuel Arrábida Alves da Silva

    Olá amiga Clara de Sousa,
    Desde já peço desculpa pela familiaridade, mas quem entra em minha casa há tantos anos, já posso considerar minha amiga, agora ainda mais, por dar-nos a receita de tantas coisas boas, assim como os truques de preparação.
    As suas receitas são formidáveis, não só porque vêm sempre tão bem descritas, como são sempre acompanhadas por um video que ajuda-nos de sobremaneira. Mais, adoro as suas receitas, porque para alguém como eu, que sou um “zero à esquerda”, preciso da “papinha” toda feita, pois tenho um medo incrível de errar e hoje em dia, comida é uma das coisas que pelas mais variadas razões jamais devemos estragar.
    Isto tudo para dizer que estranhei bastante, de no caso destes filetes, a Clara não ter colocado as quantidades. Por favor não se esqueça dos “aprendizes de cozinha”!
    Bem haja por tudo, pela excelente profissional da informação que é e pela partilha de tantos segredos culinários, uns seus, e outros passados pela senhora sua mãe.
    Os maiores sucessos!!!!

    1. Tem toda a razão António mas é porque são os filetes que se quiserem fazer. E nos restantes ingredientes tb. Desde que haja farinha e ovo é o suficiente para panar. Deve reforçar sempre que se começarem a esgotar. Eu diria para bater um ovo de cada vez e no caso da farinha cobrisse o fundo de um prato e reforça um ou outro se for necessário e se os filetes precisarem de mais desses ingredientes.
      Quanto ao tempero usa três ou quatro alhos, sumo de meio limão e sal e pimenta. Mas veja. Se forem muitos filetes precisa de mais. Tem de começar a desafiar a sua intuição também 😉 obrigada!

  2. Boa noite Clara, apenas uma questão, nunca abanei a frigideira para selar os filetes por cima. Qual a diferença que nota se apenas os virar?
    Gosto muito de perceber estes truques que ensina.
    Muito obrigada

    1. Sónia, quando abana o óleo a ferver e ele passa pela parte de cima, sela essa parte e quando vira para fritar do outro lado o polme já não escorre. Faz-se o mesmo com as pataniscas 🙂

    1. Gosto muito das sua receitas, ja fiz algumas e são óptimas.
      Sabe ao antigamente. A minha mãe no arroz de tomate, com o refogado, no norte estrogido, colocava uma folha de louro. Dá um sabor, para mim, muito agradável, dado o hábito de infância.

  3. MARIA DA CONCEIÇÃO DOS SANTOS BORGES

    Bom dia ,
    Sou Angola- Portuguesa e moro no Brasil , meus pais eram de Mirandela , gosto cozinhar e lembrar o que minha mãe fazia.
    Estou amando suas receitas são ótimas
    Parabéns por partilhar sua experiência
    Obrigada
    Abraço

  4. Felícia Goretti Leao

    Boa noite Clara De Sousa.
    Antes demais, a minha admiração pela profissional em televisão que é.
    Em segundo e não menos importante o gosto pela cozinha, a partilha, e, a maneira como ensina!.
    Sou apaixonada pela cozinha, as suas receitas uma grande inspiração.
    Obrigada Clara De Sousa.

  5. Ola Clara adoro ler a descrição das suas receitas, mencionando muitas vezes a sua mãe. Que boas que são, que bem feitas eram pela sua mãe. Os pequenos pormenores fazem a diferença e são tão bem explicados. Sou uma apaixonada da cozinha e de chefes de renome Escoffier, Alain Ducasse ,
    Rebouchon, Santi Santamaria, Maria Lurdes Modesto e sempre Clara de Sousa! Entre outros
    Muitos muitos parabens. Continue sempre fiel à sua cozinha e muito obrigada.

    1. Muitas têm uma história, seja mais emocional, seja com os pormenores importantes. Muitas vezes o sucesso está nos detalhes. Muito obrigada Maria 🙂

  6. Ana Marina Demée de Brito Machado Pinto

    Obrigada pelas suas receitas e partilha…têm sido uma inspiração e salvação nestes confinamentos. Aproveito para expressar a minha admiração por si como profissional de televisão, a melhor pivot da actualidade! Continuação de bom trabalho e muita saúde!

  7. Olá Clara!
    Gosto muito das suas receitas!
    Já experimentei várias e gostamos muito!
    A última foi o crumble de maçã (fiz algumas alterações), ficou divinal! 🙂

  8. Amanhã vou fazer esta sua receita de filetes e também o arroz de tomate! Hoje fiz a sua receita de perna de peru, todos adoraram! Todas as suas receitas são garantidas! Obrigada Clara de Sousa! Tenho grande admiração pela Sua Pessoa! Parabéns!

    1. Marca não sei Joana. Eu compro uns filetes grandes num saco grande na Makro, não sei se têm marca, nunca reparei. Vou prestar atenção da próxima vez que comprar. Mas pode usar outros. No outro dia fiz de garoupa e ficaram excepcionais.

      1. Heliane Mendes Cortines

        Olá!
        Sou brasileira, moro no Rio de Janeiro.
        Hoje apareceu vc no meu Facebook.
        Estou encantada com suas receitas e o modo como vc as descreve.
        Nunca coloquei filés de molho no leite.
        Fiquei curiosa! Vou experimentar.
        Obrigada por partilhar suas receitas com toques de amor de mãe.
        Beijos

      1. Olá Clara, tenho feito muitas das suas receitas e com muito sucesso cá em casa. Só está a faltar a receita dos rissóis obrigada e um beijinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.