Um crepe fino com um delicioso recheio de queijo-creme e mirtilos, aromatizado com limão e baunilha, para um lanche perfeito.
Crepes de sementes de papoila

A primeira vez que comi crepes foi há muitos muitos anos, ainda vivia em casa dos meus pais.

Uma vizinha minha surpreendia-nos esporadicamente com a sua receita de crepes regados com calda de laranja, que nos deixava completamente rendidos. Foi aliás uma receita que publiquei no meu primeiro livro de receitas.

Os anos foram passando e deixei um pouco os crepes de lado. Mas eis que eles voltaram pela mão da minha filha, quando a partir dos 10 anos começou a desenvolver mais gosto pela cozinha. Rapidamente se tornou a especialista de crepes, panquecas e waffles cá de casa.

Era certinho… sempre que as amigas estavam por cá, o cheirinho da massa na frigideira invadia toda a casa.

Esta receita surgiu quando eu a quis surpreender com uns crepes com um recheio diferente do habitual. Em vez de chocolate ou caramelo apresentei-lhe esta versão mais suave, enriquecida com fruta.

Ficam óptimos.
Seja ao lanche ou a fechar uma refeição, estes crepes vão certamente agradar.

“Fruta ou doce?”
“Ambos por favor.”

Veja o vídeo desta receita no meu canal

Crepes de sementes de papoila
tempo de preparação: 30 minutos + tempo de descanso da massa
dificuldade: Fácil
rendimento: 14 crepes com 15 ø cm
Um crepe fino com um delicioso recheio de queijo-creme e mirtilos, aromatizado com limão e baunilha, para um lanche perfeito.

Crepes de sementes
de papoila e mirtilos

Crepes de sementes de papoila
Um crepe fino com um delicioso recheio de queijo-creme e mirtilos, aromatizado com limão e baunilha, para um lanche perfeito.
tempo de preparação: 30 minutos + tempo de descanso da massa
dificuldade: Fácil
rendimento: 14 crepes com 15 ø cm

Ingredientes:

Massa:
  • 125 g de farinha sem fermento
  • 20 g de açúcar
  • pitada de sal fino
  • 2 ovos
  • 250 ml de leite
  • 1 colher de chá de extracto de baunilha
  • sumo e raspa de meio limão (pequeno)
  • 2 colheres de sopa de manteiga derretida
  • 1 colher de chá cheia de sementes de papoila
Recheio:
  • 150 g de queijo-creme
  • 40 g de açúcar em pó
  • sumo e raspa de meio limão (pequeno)
  • 1 colher de chá de extracto de baunilha
  • 125 g de mirtilos
E ainda:
  • raspa de limão, xarope de Ácer, mirtilos e açúcar em pó, para finalizar

UTENSÍLIOS:

Confecção:

Faça a massa:
  1. Numa taça, misture a farinha, o açúcar e o sal. Reserve.
  2. Noutra taça coloque os ovos, o leite, o extracto de baunilha, o sumo e a raspa de meio limão, a manteiga derretida e as sementes de papoila. Bata bem com vara de arames e envolva a mistura de farinha.
  3. Guarde a massa no frio, a descansar até utilizar – pelo menos uma hora ou de um dia para o outro.
Faça o recheio:
  1. Numa taça, coloque o queijo-creme à temperatura ambiente, o açúcar em pó, o sumo e raspa de meio limão e o extracto de baunilha. Bata vigorosamente com vara de arames ou com batedeira eléctrica até ficar um creme macio. Junte os mirtilos, esmague-os grosseiramente com um garfo, envolva bem e reserve no frigorífico até à hora de usar.
Faça os crepes:
  1. Numa frigideira com 15 cm de diâmetro (ou maior, mas terá menos crepes) passe em toda a superfície um pouco de papel de cozinha untado com óleo. Coloque-a em lume médio.
  2. Quando estiver quente, verta um pouco de massa, apenas o suficiente para cobrir o fundo da frigideira – use um medidor para facilitar e fazer crepes iguais.
  3. Quando as extremidades ganharem um pouco de cor, vire os crepes com a ajuda de uma espátula, e cozinhe por mais uns segundos, sem deixar ganhar cor.
  4. Coloque os crepes entre papel de cozinha, à medida que os vai fazendo, para evitar que colem entre si. Unte sempre a frigideira, entre cada crepe, com o papel que tem óleo.
  5. Quando os crepes estiverem frios pode recheá-los – coloque uma colher de sopa rasa de recheio no centro de cada crepe e dobre em leque ou em rolo.
  6. Para servir, regue os crepes com um pouco de xarope de ácer (ou mel de flores), salpique com raspa de limão e decore com mais mirtilos. Finalmente, polvilhe com um pouco de açúcar em pó.

Notas:

  • A massa do crepe é mais líquida, quando comparada com a da panqueca. Não junte mais farinha.
  • Para fazer o crepe fino, use apenas a massa necessária para cobrir o fundo da frigideira.
  • Não faça a olho. Use um medidor para usar a quantidade de massa correcta.
  • Conserve os crepes entre folhas de papel de cozinha.

Outras informações:

2 comentários para “Crepes de sementes<br>de papoila e mirtilos”

  1. Deve ser muito bom vou fazer bjs é muito muito obrigada pela paciência que tem tido comigo bjs é bom domingo logo estarei consigo no telejornal bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.