Sobremesa fácil, rápida, barata e deliciosa. Sem glúten. Sem ovos. Faz parte da tradição dos países muçulmanos no período do Ramadão.

Não adoram sobremesas assim? Rápidas, saborosas, inclusivas. E bem baratas!

Este creme de arroz é uma espécie de primo do Arroz Doce, só que aqui apenas usamos farinha de arroz e não os bagos.

Além disso não nos exige quase tempo nenhum no fogão, apenas o tempo de deixar engrossar o creme.

Esta receita faz parte da tradição dos países muçulmanos no período do Ramadão.

Não tem ovos e não tem glúten, o que é uma grande vantagem para intolerantes.

Leva leite, e aqui gosto de usar leite de vaca, mas pode ser feita com leite sem lactose ou qualquer leite vegetal, como o de arroz, de soja, ou outro de que gostem. Todos estes leites “alternativos” se encontram facilmente, hoje em dia, nos supermercados ou lojas de produtos biológicos.

Leva açúcar, mas pode ser adoçado com um adoçante próprio para diabéticos ou qualquer outro que usem no vosso regime alimentar – no caso de usarem um mascavado já sabem que não vão ter um creme tão branquinho, mas se não se importarem com isso, tudo bem.

Nesta linha de doces de colher tenho mais algumas receitas que vos vão deixar com água na boca. Podem vê-las AQUI.

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 10 minutos
dificuldade: fácil
doses: 4
Sobremesa fácil, rápida, barata e deliciosa. Sem glúten. Sem ovos. Faz parte da tradição dos países muçulmanos no período do Ramadão.

Creme Doce
de Arroz

creme doce de arroz destaque site
Sobremesa fácil, rápida, barata e deliciosa. Sem glúten. Sem ovos. Faz parte da tradição dos países muçulmanos no período do Ramadão.
tempo de preparação: 10 minutos
dificuldade: fácil
doses: 4

Ingredientes:

  • 500 ml de leite
  • 60 g de farinha de arroz
  • 100 g de açúcar (ou mais, se gostar mais docinho)
  • 2 casquinhas de laranja (ou 2 colheres de sopa de água de flor de laranjeira)
  • Canela em pó para polvilhar

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Num tachinho, misture o açúcar e a farinha e verta o leite frio, em fio, sempre mexendo para não fazer grumos.
  2. Junte as casquinhas de laranja.
  3. Leve ao lume, sempre mexendo, para não pegar nem fazer grumos.
  4. Quando engrossar, retire do lume, retire as casquinhas de laranja e distribua por 4 tacinhas.
  5. Polvilhe com canela em pó na hora de servir.
  6. Sirva morno ou à temperatura ambiente.

Notas:

  • Para versão sem lactose use um leite vegetal ou sem lactose
  • Para versão sem açúcar refinado, use mascavado claro ou um adoçante da sua preferência
  • Intolerantes ao glúten deve usar canela em pó certificada

Outras informações:

22 comentários para “Creme Doce <br> de Arroz”

  1. Maria Teresa Gonçalves

    Olá Clara, sou diabética e não sei fazer a correspondência entre o açúcar refinado e o xilitol. Agradecia uma ajuda. Obrigada.

    1. Ola Teresa. Por regra substitui com colheres de sopa. Cada uma pesa 15g de açúcar normal. Só tem de fazer a conversão. 1 colher de sopa de açúcar substitui por uma colher de sopa de xilitol.

  2. Clara, muito obrigada pela partilha de uma das suas paixões – a culinária. Não conhecia o seu “cantinho”, mas fiquei fã. É super interessante o contexto que dá às suas receitas. Dá ainda mais vontade de colocá-las em prática. No caso concreto deste doce, acabei de o confeccionar e estou surpresa pelo resultado final em tão pouco tempo.
    Parabéns e obrigada pela partilha!

  3. Olá Clara,
    Gosto muito das suas receitas! Fiz o seu creme doce de arroz e gostámos muito, mas da segunda vez, para lhe dar um “colorido” juntei uma pitada de “golden milk”! As especiarias deram-lhe um toque interessante.. Bjs

    1. Olá Anabela! É um sabor bem diferente, mas muito bom. Nunca tinha pensado no Golden Milk para esta receita, mas gosto desse improviso 😉

  4. Clara, falou aí em canela certificada. Como uso muita mas tenho umas netas com problemas intestinais e gostam de xanela, ando sempre aflita… Onde posso encontrar essa canela certificada? Obrigada.

    1. Olá Fernanda. Quando digo certificada é no sentido que é comprovadamente sem glúten, uma vez que há canelas que podem ter misturas ou serem feitas em linhas de produção contaminadas. Uma boa canela encontram lojas tipo o celeiro.

    1. João depende da força do lume, mas a partir do momento em que a mistura começa a ferver são alguns segundos até engrossar ligeiramente. Não se esqueça de que engrossa mais ao arrefecer.

  5. Olá Clara de Sousa!
    Será que ficará bom em vez de casca de laranja usar casca de limão e ainda usar uns pauzinhos de canela?
    Ser igual ao arroz doce mas versão em creme?!

    Obrigada por partilhar as suas receitas

    Beijinhos

  6. Gosto muito das suas receitas parabéns,mas no outro dia vi uns bolinhos que se referiu a bolos da feira e disse que pareciam os da sua avó mas não tirei a receita e gastava de a ter porque pareciam muito bons obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.