O clássico mais apreciado tão usado na pastelaria portuguesa, numa versão rápida e saborosa feita facilmente em casa.

O creme de pasteleiro é usado na pastelaria portuguesa para recheio de vários bolos de pastelaria como as Bolas de Berlim, os Guardanapos, o Mil Folhas entre outros.

Podemos usá-lo no recheio de bolos de festa, tortas e tartes como é o caso da minha Tarte Fresca de Frutas.

Esta é uma versão rápida e deliciosa que fazemos rapidamente em casa e que não vai desiludir ninguém.

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 10 minutos
dificuldade: fácil
rendimento: 350 ml
O clássico mais apreciado tão usado na pastelaria portuguesa, numa versão rápida e saborosa feita facilmente em casa.

Creme de Pasteleiro
Caseiro

destaque
O clássico mais apreciado tão usado na pastelaria portuguesa, numa versão rápida e saborosa feita facilmente em casa.
tempo de preparação: 10 minutos
dificuldade: fácil
rendimento: 350 ml

Ingredientes:

  • 1 ovo inteiro
  • 2 gemas
  • 250 ml de leite
  • 40 g de farinha de trigo
  • 75 g de açúcar
  • ½ colher de chá de extracto ou aroma de baunilha 

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Coloque 200 ml de leite ao lume, para ferver. Reserve os restantes 50 ml.
  2. Numa taça junte o ovo inteiro e as duas gemas, a farinha e o açúcar. Bata bem à mão com vara de arames. Junte o leite restante.
  3. Junte o leite que ferveu, ainda quente, em fio sempre mexendo sem parar, para que o calor não coza os ovos.
  4. Coloque esta mistura de novo no tacho e leve a lume médio, sempre mexendo, até o creme engrossar um pouco. Lembre-se que engrossa mais depois de frio.
  5. Finalmente, já fora do lume, envolva o extracto ou aroma de baunilha e deixe arrefecer.

Notas:

  • Em alternativa ao extracto ou aroma de baunilha, pode usar meia vagem de baunilha, raspando as sementes. Coloque a vagem e as semente no leite que vai ao lume para ferver. Na hora de misturar aos restantes ingredientes, retire a vagem.

Outras informações:

22 comentários para “Creme de Pasteleiro <br> Caseiro”

  1. Margarida Oliveira

    Olá Clara,
    Obrigado pela partilha destas receitas maravilhosas. As bolas ficam muito boas ao ponto que os meus colegas de trabalho imploram para que eu volte a levar para eles! Já se descobriu como co gelar as bolas? Eu já tentei congelar após uma pré cozedura, mas o resultado não foi muito bom.
    Obrigado, continue a partilhar as suas receitas connosco.

    1. Olá Margarida, eu nunca congelei e parece-me que neste caso o resultado final ficará sempre aquém. Mesmo cozendo totalmente não sei se depois de descongelar ficarão boas. Já tentou congelar em cru antes de levedarem? Depois é só deixar descongelar e colocar no quentinho para levedar. Penso que seja provavelmente a melhor opção, mas não testei. Se testar depois diga-me ok? Obrigada!

  2. Bom dia! Não consigo ver a receita das bolas de berlim. Clico no link e direciona-me para a receita do creme de pasteleiro (e estou no computador). Seria possível facultar-me o link das bolas, por favor?
    Obrigada! 🙂

  3. Olá Clara,
    Não sei qual o motivo, mas quando pretendo ver a receita das Bolas de Berlim, aparece a receita do creme pasteleiro. Não sei o que estou a fazer mal… Obrigada

      1. Finalmente consegui ver a receita das Bolas de Berlim !
        Abri o link, que me enviou, no computador. Penso que o problema era ver no telemóvel.
        Muito obrigada

        1. São 350 ml Cristina. Eu nunca usei para cobrir. Apenas para rechear. Receio que seja demasiado macio para cobrir e que possa descair.

  4. Ana Paula da Silva

    Boa tarde Sra Clara de Sousa ,
    Nesta altura em que o lema é ficar em casa, vou experimentar a receita das suas bolas de Berlim. Adoro mas nunca fiz.
    Adoro cozinha e gosto de experimentar tudo o que é novo para mim.
    Darei posteriormente o feedback.
    Cumprimentos,
    Ana Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.