Preparem os pêssegos porque este bolo vai deixar-vos rendidos com a sua massa fofa e húmida. Em 15 minutos está no forno. É delicioso!

Pêssegos comuns, carecas ou achatados, tanto faz, o importante é serem frescos e maduros para fazer este bolo incrível e tão fácil!

Não adoram bolos de fruta, sobretudo quando é de fruta da estação que está bem madurinha?

Pode ser o Bolo Rápido de Iogurte e Morangos, o Bolo de Cereja Invertido, o Bolo de Curgete e Mirtilos ou apenas o Bolo de Mirtilos, o importante é serem de fruta fresca.

Para este bolo de pêssego usei o comum e o achatado que, não tendo uma polpa colorida é também muito doce, mas mais rijinha. Descascamos, descaroçamos e cortamos em pedaços.

Bom, é quase pecado dizer-vos isto… mas na falta da fruta fresca até podem usar o pêssego em calda de lata, os famosos melocotons. Mas pronto, não vos disse nada, porque na verdade é com fruta fresca que fica melhor.

Quanto ao resto, preparamos a forma de mola, forrando a base com papel vegetal e untando tudo. Eu uso spray, que é sempre a despachar…

Depois, colocamos secos de um lado e molhados do outro. Misturamos. Batemos tudo muito bem até ficarmos com uma mistura bem cremosa…

E finalmente envolvemos a fruta…

Não custa nada. E acreditem vai ficar super incrível!

Ao sair do forno vai estar assim, com este aspecto e com uma massa tão fofa, tão fofa, que temos de a deixar descansar um pouco…

Estão prontos para a primeira fatia? Então do que estão a espera?

Não têm pêssegos? Não faz mal, usem outra fruta, qualquer uma funciona.

Maçã? Sim claro, a fruta que quiserem.

Vamos a isso então 😉

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 15 minutos
tempo de forno: 50 minutos
tempo total: 1 hora 05 minutos
dificuldade: FÁCIL
doses: 8 fatias
Preparem os pêssegos porque este bolo vai deixar-vos rendidos com a sua massa fofa e húmida. Em 15 minutos está no forno. É delicioso!

Bolo de Pêssego

Bolo de pêssego destaque site
Preparem os pêssegos porque este bolo vai deixar-vos rendidos com a sua massa fofa e húmida. Em 15 minutos está no forno. É delicioso!
tempo de preparação: 15 minutos
tempo de forno: 50 minutos
dificuldade: FÁCIL
doses: 8 fatias

Ingredientes:

  • 500 g pêssegos
  • 200 g de farinha para bolos
  • 1,5 colher de chá de fermento em pó
  • 180 g de açúcar
  • 150 g de manteiga sem sal, à temperatura ambiente
  • 3 ovos L
  • pitada de sal grosso
  • 1 colher de chá de extracto de baunilha
  • raspa de ½ limão
  • spray ou manteiga para untar forma
  • açúcar em pó para polvilhar

UTENSÍLIOS:

  • Forma de mola com 22 cm de diâmetro
  • papel vegetal
  • batedeira eléctrica

Confecção:

  1. Descasque os pêssegos – reserve uma metade inteira – retire o caroço e corte a fruta em cubos. Sem contar com a metade ficará com aproximadamente 350 g de fruta em cubinhos. Reserve.
  2. Ligue o forno a 180º C.
  3. Forre o fundo de uma forma redonda de mola, de 22 cm de diâmetro, com papel vegetal. Unte o papel e as paredes da forma.
  4. Numa taça misture a farinha, fermento em pó e açúcar.
  5. Noutra taça bata a manteiga e junte um ovo de cada vez, misturando o seguinte depois de o anterior estar totalmente envolvido.
  6. Sempre com a máquina a bater, junte a mistura de farinha em 3 vezes, juntando a seguinte apenas quando a anterior tiver sido totalmente absorvida.
  7. Depois de misturada toda a mistura, bata durante 3 a 4 minutos até ficar ligeiramente mais clara e cremosa.
  8. Junte o sal, extracto de baunilha e raspa de limão e finalmente envolva delicadamente os pedaços de pêssego.
  9. Verta a massa na forma, alise o topo e leve a cozer durante 50 minutos ou até confirmar que está cozido com o teste do palito.
  10. Depois de retirar do forno deixe arrefecer um pouco durante 10 minutos dentro da forma e só depois passe uma faca em redor e retire o aro da forma.
  11. Depois de frio transfira o bolo para um prato de servir, polvilhe generosamente com açúcar em pó e decore com fatias de pêssego da metade que reservou para decoração.

Notas:

  • Pode substituir a farinha para bolos (T55) por farinha para usos culinários (T65).
  • Se usar farinha com fermento, reduza a quantidade de fermento em pó para metade.
  • A manteiga tem de estar à temperatura ambiente (macia).
  • Pode usar outras frutas.

Outras informações:

23 comentários para “Bolo de Pêssego”

  1. Maria Joana Torres

    Cara Clara, gosto muito de seguir as suas receitas! Gostaria de perguntar, pf, qual a marca de manteiga que costuma usar? Muito obrigada pela atenção!

    1. Tenho várias, mas a sem sal é a Gresso Chef de 1 kg que compro na Makro. Hoje em dia já há embalagens de manteiga sem sal de várias marcas nos supermercados, mas há não muito tempo era muito difícil de encontrar.

    1. Patrícia, sendo alérgica a glúten basta substituir a farinha por uma farinha para bolos sem glúten e garantir que o fermento em pó também é isento 🙂

  2. Olá Clara, boa tarde!
    Fiz este bolo de pêssegos e simplesmente aqui em casa e não só, adoramos e adoraram, maravilhoso, eu fiz a receita a dobrar. Muito obrigada, Beijo. ❤❤

  3. Ana Conceição Ferreira Santos

    Olá Clara!
    Em relação ao seu comentário queria informá-la que com o queijo creme incorporado no bolo, ele não tem o sabor do azeite , mas é parecido com a manteiga.
    Outra receita sua em que substituo a manteiga pelo azeite, é o pão de soda caseiro, em que lhe junto sal de ervas, e que resulta delicioso.
    Gostaria que me informasse quais as receitas de bolos em que substitui a manteiga pelo azeite ou outra gordura mais saudável.
    Atenciosamente

    Ana Ferreira

    1. Ana por regra não mudo. Tenho bolos de azeite e tenho outras receitas com manteiga. O que deixei de usar foi margarina. Há muitos anos que não uso.

  4. Ana Conceição Ferreira Santos

    Olá Clara!
    Decidi fazer a sua receita de bolo de pêssego substituindo a manteiga por gorduras mais saudáveis, como o azeite e a farinha de linhaça, que moí na hora, e assim obter todos os benefícios da mesma.
    No resto da receita segui todos os seus passos, e para obter uma textura similar à que apresenta nas fotografias, fiz:
    – bati os ovos com 3 colheres de sopa de queijo creme caseiro que faço, e para obter a consistência cremosa, adicionei-lhe 3 colheres chá de linhaça moída, e esperei cerca 15 min.
    O açúcar que utilizei foi o amarelo e para incorporar todos os secos, adicionei-lhe mais um ovo.
    De notar que nos bolos sempre lhe adiciono uma colher chá de fermento químico.
    O resultado foi um bolo muito fofo e húmido, não sei se está muito longe da receita da Clara!….
    Se quiser eu mando-lhe o link de como faço requeijão caseiro, que substituo em muitas receitas que pedem natas.
    A Clara que é uma cozinheira de “mau cheia” dará a sua opinião, ou tentará melhorar esta receita que idealizei.
    Atenciosamente,
    Ana Ferreira

    1. Olá Ana, eu nem ouso grandes aventuras alternativas porque continuo a gostar mais dos métodos tradicionais. É com eles que me identifico. Acho que desde que haja equilíbrio conseguimos manter-nos saudáveis. Mas acho óptimo que procure essas soluções e que elas resultem. O sabor será diferente entre a manteiga e o azeite, mas as alternativas fazem-se de compromissos, é natural. Ficam aqui visíveis os passos que seguiu para quem queira esta alternativa mais saudável e haverá certamente muitas pessoas. 😉 Muito obrigada!

  5. Fiz o bolo com alperces e ficou delicioso, já tenho feito várias receitas suas que aqui nos deixa e estou rendida, fáceis, rápidas e boas, que mais podemos querer?
    Continue desse lado que eu continuo deste (a salivar) e com os utensílios e ingredientes preparados.
    Obrigada!

    1. Óptimo com alperces também Magda. 🙂 Bia escolha. Esta massa de bolo dá para usar com qualquer fruta. Tão bom que gostou! Obrigada!

  6. Ana Conceição Ferreira Santos

    Parabéns pela receita!
    Queria perguntar-lhe se posso substituir a manteiga por outra gordura mais saudável, como por exemplo o azeite ou outra?
    Atenciosamente,

    ana Ferreira

  7. Natalia Mendonça

    Boa tarde D. Clara,
    Tenho que dar-lhe os parabéns, porque a Sra. ademais de ser uma excelente Jornalista é também uma fantástica Chef, às suas receitas são maravilhosas, já fiz várias e todas ou quase todas são uma delícia, digo quase, porque ainda não consegui fazer a Baguette Rústica , faço tudo como está na receita mas nunca fica bem, a côdea dê cima fica muito dura, já tentei 5 vezes, tenho tanta pena!!!! pois gosto muito de baguettes e as suas ficam tão bonitas.
    Agradeço muito se me pudesse ajudar.
    Um abraço e obrigada por estar aí.
    Natalia

    1. Obrigada Natália! 🙂 Em relação à baguete, pode ter o forno desregulado com uma temperatura superior àquela que marca. Baixe um pouco e não deixe tanto tempo. Não deixe dourar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.