Estes Bolinhos de Salmão são uma espécie de hambúrgueres que tanto podem ser servidos como snack ou prato principal, depende do tamanho que lhes quisermos dar.

São deliciosos e muito práticos até para levar na marmita. Em casa vão fazer as delícias de crianças e adultos.

Todo o processo é muito simples e há dois passos que podemos fazer com antecedência.

Um é cozinhar os legumes até ficarem macios. Fica despachado até porque é preciso deixá-los a arrefecer.

O outro é tratar do salmão. Primeiro retiramos as espinhas. Para isto, uso uma pinça própria que é um acessório fundamental para quem faz sushi como eu. É bem melhor do que andar a procurar espinhas depois de cozinhado.

Depois temos de cozinhar o salmão. Podemos fazê-lo no forno ou na frigideira. Para estes bolinhos opto pela frigideira que é mais rápido.

Finalmente, retiramos para descansar um pouco sobre uma tábua na bancada… e lascamos com um garfo enquanto ainda está quente. Quente é mais fácil.

É só isto.

Se cozinharem o salmão com espinhas é aqui que têm de retirá-las. Elas são grandes, dificilmente vos escaparão.

É fundamental não se cozinhar demasiado o salmão, que é um peixe muito macio e suculento e que perde no sabor e na textura quando fica muito passado. Um peixe gordo ficar seco não dá! Concordam comigo, certo?

Com tudo já preparado o resto é muito rápido.

Misturamos bem todos os ingredientes numa taça e colocamos porções da massa a fritar. Opto por usar uma colher de gelado para ter bolinhos do mesmo tamanho. Mas qualquer colher serve.

Os bolinhos fritam até ficarem douradinhos de ambos os lados. Cerca de 3 minutos de cada lado é o tempo normal, e não convém ter o lume demasiado forte, porque eles alouram muito facilmente.

Depois de fritos, colocamos a escorrer sobre papel de cozinha e servimos de imediato.

Como refeição principal podemos servir com salada, com arroz, ou outro acompanhamento de que mais gostemos. Em alternativa, podemos fazê-los um pouco maiores se os quisermos servir em pão de hambúrguer.

Como snack, a minha sugestão é que façam um bom molho tártaro caseiro que fica 5 estrelas e que fica pronto em menos de nada!

Se não tiverem salmão mas quiserem muito muito muito fazer estes bolinhos, façam-nos com igual quantidade de outro peixe ou atum em lata. Prefiro com salmão porque é mais suculento, mas o atum em lata é uma boa alternativa e poupa no tempo e trabalho de cozinhar o salmão.

Bom apetite!