Pára tudo, porque conseguimos fazer as melhores bolachas de chocolate do mundo em casa.

Sim. Eleitas pelos internautas como as melhores do mundo. De chocolate, claro! E quem sou eu para duvidar? Eu só cá estou para confirmar!

Decidi fazer estas bolachas quando o meu filho me desafiou a fazer “umas bolachas gigantes com pepitas como as do Starbucks”.

E pronto lá fui eu enfiar o nariz no computador à procura. Procurei, procurei… e finalmente encontrei.

O autor da receita é David Leite, um norte-americano de origem portuguesa, já naturalizado português, crítico gastronómico, escritor e que gosta de meter as mãos na massa, muito conhecido nos EUA onde já foi várias vezes premiado. Roubei na manteiga e no chocolate que estava em dose de exagero, à americana.

O tempo de preparação é muito curto, cerca de 10 minutos…

O tempo maior é o de refrigeração que pode ser entre um dia e três dias no frigorífico. Tem de ficar bem dura.

Depois uns minutinhos para fazer bolas de massa, grandes, do tamanho de bolas de golfe… bem espalhadas pelo tabuleiro… afinal são bolachas gigantes, causam impacto, e vão “derreter-se” todas umas para cima das outras se não as deixarmos bem afastadas!

Mais umas pedrinhas de sal para que as papilas gustativas batam palmas…

E ala que se faz tarde, lá vão elas para o forno!

Posso dizer-vos que entraram no TOP dos provadores.
São crocantes por fora e macias por dentro o que leva quem as prova a fechar os olhos enquanto sorri, ao mesmo tempo que movimenta lentamente o maxilar, mastigando, devagar, para prolongar o prazer do momento.
Temos um caso de amor, certo?

O Paulo Varanda e o Bento Rodrigues que o digam! Partilharam uma, já que estas bolachas são muito grandes, têm cerca de 10 cm de diâmetro… e só não comeram mais porque eram muitos os candidatos e poucas as bolachas.