Clássico da cozinha portuguesa, o arroz de grelos fica bem soltinho e macio. É perfeito para servir com peixe frito ou de forno.

Não adoram um bom arroz de grelos acabadinho de fazer?

O sabor dos grelos de nabo, os meus preferidos, é inconfundível, um pouco amargo o que contrasta muito bem com a leve doçura do arroz.

É tão bom!

Para esta receita nunca uso grelos crus. Porquê? Porque em cru sobressai mais o sabor amargo.

Então o que faço?

Encho uma panela com água e um pouco de sal e quando começa a ferver junto os grelos e dou-lhes uma fervura, coisa rápida de meio minuto se tanto. E sem tapar o tacho. Com esta fervura, elimina-se grande parte do amargo e os grelos ficam mais macios. Depois escorro-os e distribuo por recipientes para congelar. Desta forma ficam sempre prontos a usar.

Para fazer o arroz, como os grelos já foram “entalados” – adoro estas nossas expressões – irão cozinhar perfeitamente no mesmo tempo do arroz.

Faço um bom refogado com cebola e alho e deixo o arroz fritar até ficar translúcido, o que deixa o arroz mais soltinho no final. Por cada copo de arroz uso três de água. Vejam o video onde mostro como faço esta delícia.

Este Arroz de Grelos é um acompanhamento perfeito para pratos de peixe frito ou de forno.

Subscreva a newsletter e receba as receitas em primeira mão!

Veja o vídeo desta receita no meu canal

tempo de preparação: 15 minutos
dificuldade: fácil
doses: 4 a 6
Clássico da cozinha portuguesa, o arroz de grelos fica bem soltinho e macio. É perfeito para servir com peixe frito ou de forno.

Arroz
de Grelos

destaque arroz grelos
Clássico da cozinha portuguesa, o arroz de grelos fica bem soltinho e macio. É perfeito para servir com peixe frito ou de forno.
tempo de preparação: 15 minutos
dificuldade: fácil
doses: 4 a 6

Ingredientes:

  • 1 caneca de arroz (cerca de 250 g)
  • 300 g de grelos já “entalados” (ver texto do artigo)
  • 1 cebola média, bem picada
  • 2 dentes de alho, bem picados
  • azeite q.b.
  • sal q.b.
  • 3 canecas de água, a ferver

UTENSÍLIOS:

Confecção:

  1. Refogue a cebola num pouco de azeite e quando começar a ficar translúcida junte o alho. Frite por uns segundos para libertar o aroma do alho e junte o arroz.
  2. Frite o arroz, mexendo, até começar a ficar esbranquiçado.  Junte os grelos e refogue mais uns segundos, sempre mexendo.
  3. Finalmente, junte a água a ferver e o sal, envolva, prove para acertar o sal e tape o tacho.
  4. Cozinhe em lume brando – o caldo tem de estar sempre a fervilhar – durante o tempo indicado na embalagem do arroz (por regra, 10 minutos exactos).
  5. Terminado esse tempo, deixe o arroz descansar dois ou três minutos tapado, antes de servir.

Notas:

  • Usei arroz thai (arroz de jasmin) que cozinha em 10 minutos. Se usar outros arroz verifique o tempo indicado na embalagem.

Outras informações:

32 comentários para “Arroz <br> de Grelos”

  1. Eu faço assim o arroz de grelos, mas quando meto os grelos também gosto de pôr um tomate natural sem pele e sem grainhas aos bocados. Fica muito bom. Ao comer encontra-se o tomate.

  2. Bom dia Clara
    Eu costumo fazer o refogado cebola, alho, uma folha de louro e coloco os grelos e deixo “murchar” os grelos… depois junto água o arroz e já está . Mas é prático ter já os grelos “entalados”.
    (A minha mãe dava-me vários legumes já”entalados” para guardar na arca feijão verde, grelos, tomate já picado em saquinhos…saudades
    Beijinhos
    Ana Santos

  3. ola Clara….adoro as tuas receitas. este arroz deve estar muito bom. gostava de a conhecer pessoalmente. vou ai com alguma frequência. Sera que um dia podemos ir tomar um café?? beijinhos

    1. Olá Conceição, depende dos dias e das horas. Por regra ando sempre ocupada, mas é umas questão de ver se encaixa nos meus horários.

  4. Obrigada Clara. Mais uma fantástica receita e eu que adoro arroz de grelos. Não faço há imenso tempo, mas agora com a sua receita, vou fazer amanhã. Já tenho grelos de couve “entalados” e então vou fazer o belo do arrozinho de grelos. Beijinhos grandes.

        1. Maria José Miranda Queirós

          Olá Clara boa tarde, tb costumo fazer arroz de nabiças, cá em casa gostam bem. De uma maneira geral é com peixe fruto à posta (pescada, peixe galo). Agora eu pessoalmente tb gosto mais dele seco só que eu faço o arroz seco e coloco o dobro da quantidade do arroz, de água. A Clara põe o triplo, fica seco ou mais pro caldoso?

          1. Olá Maria José. Este fica naquele ponto em que tem um pouquinho de caldo mas que é absorvido se se deixar descansar um pouco. Este arroz é o thai/jasmin e por isso fica sempre mais soltinho.

  5. Paulasilva.feira@gmail.com

    Obrigada! Eu adoro arroz de grelos , mais uma receita sua , que é bem portuguesa , e tão fácil de fazer, .
    Beijinho para si clara de sousa

  6. Maria Fernanda F. Monteiro

    Adoro todo arroz com legumes, mas este está espectacular, não sabia esta de ferver um pouco os grelos e congelar.Obrigada pela dica. Irei fazer, quando minhas irmãs tiverem no campo ,e são bio, bem mais gostosos.Beijinhos Clara…<3

    1. Bom dia Natália. Por regra não, como só estão entalados mesmo que cozinhem mais um pouco no calor residual não faz mal. Eu faço assim e congelo e depois uso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.