Tapeçaria
de Parede

Agora que temos de ficar em casa, esta é uma ideia para fazerem com os mais pequenos e passarem uma tarde criativa e divertida.

Nestes tempos de isolamento social temos de encontrar ideias para nos mantermos activos e unidos, em actividades e projectos que nos entusiasmem enquanto família.

Foi o que aconteceu na minha primeira semana de recolhimento em casa, com a minha filha. Ela precisava de desligar um pouco dos estudos, que a deixam enfiada no quarto durante longas horas… e eu também precisava de arejar um pouco a cabeça tão bombardeada com as notícias da Covid 19.

A Maria tem 20 anos mas nunca tinha feito um tear na escola, ao contrário de mim que nos idos de 80 o tinha feito na disciplina de trabalhos manuais.

Tínhamos cordel branco (é o fio de atar carnes), lãs, pregos, cola… e na oficina encontrei uma ripa larga de madeira que cortei de forma trapalhona com o tico-tico em 4 tiras mais finas.

Tínhamos cartão para fazer a agulha e o sistema de levantamento de linhas. Uns galhos que tinham sobrado do projecto da Escada para Mantas de inspiração náutica. E o “lorde” cá de casa… sempre em cima!

Perfeito! Tínhamos tudo para começar.

Ela foi inventando a cada nova linha que fazia.

Franjinhas…

… bem farfalhudas que ficaram! A Maria optou por deixar umas pontas mais compridas, diz que fica mais giro.

Lindo também o ponto de trança horizontal. Ela explica como se faz no video.

Também o “ponto fofinho” (nem faço ideia qual o nome deste ponto) que fez com a ajuda de um pauzinho de sushi…

… e no final tudo preso a um galho para podermos pendurar. Este já estava tratado e envernizado. Podem usar outro tipo de suporte que tenham por casa.

Já era de noite quando a Maria terminou e estava super feliz… tanto que já encomendou outras lãs, com outras texturas, para fazer uma tapeçaria maior para colocar na parede sobre a cabeceira da cama do seu quarto.

Para já… esta ficou para mim. É pequenina mas tem um forte simbolismo e representa um período de que nenhum de nós se vai esquecer enquanto viver.

Material necessário:

  • 4 ripas, coladas e/ou pregadas nas pontas, para o tear
  • régua e lápis
  • pregos de cabeça larga, para pregar a cada 1 cm
  • fio de atar carnes, para fazer os fios do tear
  • lãs, de várias cores e espessuras
  • cartão para fazer agulha e tira de levantamento de linhas
  • um galho ou outro suporte
  • tesoura
  • pente de dentes largos
  • pauzinho de sushi (para o “ponto fofinho”)

Passo a passo:

  1. Una 4 ripas pelas pontas, colando e/ou pregando.
  2. Na ripa de cima e na de baixo faça marcações a cada 1 cm de distância e pregue os pregos.
  3. Passe o fio, apanhando dois pregos ao dar a volta para cima e para baixo, sem esticar demasiado o fio.
  4. O tear está pronto e a partir daí é só começar a criar.
  5. No video podem ver como se faz o ponto simples, a trança horizontal e o “ponto fofinho”.
  6. No final, corte os fios do tear e una-os com um nó.
  7. Monte a tapeçaria num galho e prenda um fio maior para pendurar.

Partilhe esta bricolage nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest

Veja também...

22 comentários para “Tapeçaria <br> de Parede”

  1. Bom dia Clara, sempre a surpreender. Que óptima ideia a Clara faz tudo parecer muito fácil. Passada esta terrível fase vou tentar fazer, não tenho nada de lás em casa, já tive muitas e dei todas. Sou sua fã. Saúde. Beijinhos

      1. Maria do Rosário fontinha

        Bon dia Clara de Sousa, começo por dizer que tenho muita admiração por si. Hoje encontrei uma receita sua de pão no google e vou experimentar, encontrei também o seu blog do qual gostei muito. Hoje mais do que nunca é necessário encontrar soluções para mantermos não só a saúde fisica como mental e para isso nada melhor do que dar asas à imaginação e com a sua ajuda torna-se bem mais fácil. Neste momento estou mais dedicada à agricultura, pois um primo que vinha dar a sua preciosa ajuda, está impedido pelo codivirus e lá tive de arregaçar mais as mangas, pois sinto que é o mínimo que posso fazer, e devo dizer que chego ao fim do dia cansada, mas bem mais tranquila, para além do mais, dar ajuda ao meu marido que sofre de distrofia muscular e cada vez mais a necessitar da minha ajuda, mas com a ajuda de Deus vamos conseguindo ultrapassar as dificuldades pois é o que temos feito ao longo de 48 anos de estarmos juntos. Desejo-lhe bem como à sua filha muita saúde e felicidades. Que Deus as protejam bem como a todos. Peço desculpa pela minha longa mensagem. Bem haja!

        1. Maria do Rosário, tem de ir buscar essa força sabe-se lá onde às vezes, sei bem o que é sentir que apesar de cansadas continuamos a dar mais. Faz parte da sua natureza e essa dedicação ao seu marido é tão importante para ele como para si. É uma vida inteira em comum que tem de ser honrada e celebrada. Um beijinho para si e tudo de bom! 🙂

  2. CORPUS SLIM II-CLINICA MÉDICA E DE ESTÉTICA DAS AMOREIRAS, LDA

    muito prático e original. Excelente manter a cabeça ocupada e não entrar em stress.
    Muito obrigado Clara por tantas dicas.
    costumo pintar pedras apanhadas na praia e decorar caixas com conchas e búzios . Pode tb fazer-se quadros pintando e colocando as mesmas e fica muito bonito. Numa casa de praia fica lindo.
    Bases para copos em vidro pintando com desenhos a gosto.
    beijinhos.

  3. Bom dia Clara
    Mais uma vez um lindo trabalho, eu também faço todo o género de trabalhos manuais usando na maioria a reciclagem, além de pintura artística.
    É lindo ver uma jovem a criar, que Deus a abençoe e a conserve por muitos anos com saúde e alegria.
    De momento eu tenho estado a fazer presentes para a Páscoa, frascos reciclados e enfeitados onde meto biscoitos feitos por mim. Falo nisto porque a maioria das pessoas que vivem em apartamentos não tem a possibilidade de ter ao dispor certos materiais, mas uns frascos, garrafas pedaços de cortinas velhas ou Tshirts sempre se arranjam, fiz também uma grinalda de Natal com flores de caixas de ovos podendo também se adaptar a uma para a Páscoa! porque não? em vez de um laço, um passarinho improvisado ou ovos pintados.
    Já me estou a alongar, tenho 72 anos e gosto muito de falar e escrever, se pudesse postar alguma foto falava por si.
    Continuação do bom trabalho que faz e que eu tanto admiro.

    1. Olá Isabel, eu também adoro estes trabalhos e este é bem simples. Se se tiver 4 ripas de madeira e uns pregos, o resto é mais fácil. Rosas de cartão também já fiz, tem de ver os restantes trabalhos. A maioria pode ser feita facilmente por quem vive em apartamentos. O que interessa, mais ainda agora, é mantermos a cabeça ocupada e estarmos serenos. Um beijinho proteja-se.

          1. Olá Joana, a minha filha encomendou pela net, nas lojas nacionais não encontrou nada de que gostasse e encomendou de Inglaterra num site chamado Love Crafts.

    1. Lindo sem dúvida e uma boa lembrança de um período bem marcante na vida do Mundo Parabéns Maria e girissimo ainda teve acompanhar! Continue tem muito jeito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.